Nem aos piores inimigos…

Berrando aqui (além do cunhadinho amado): Maroon 5 – Wake up call (hehe… música ótima pra situação!)

Eu vim aqui fazer um desabafo. Não adianta falar com quem pode resolver o problema (porque eu já tentei e não deu em nada), então vou falar aqui mesmo.

Minha irmã tem um namorado. Eles estão juntos há 7 meses. Algumas pessoas, inclusive eu, diriam que 7 meses de namoro é pouca coisa. Na minha opinião, algumas intimidades deveriam ser evitadas, inclusive entre eles, mas acho que isso não tem muita importância pros apaixonados. Tudo bem… eles fazem o que quiserem quando estão a sós, afinal o relacionamento é deles. Mas ocorre uma intimidade que me incomoda muito: o rapaz chega em minha casa, geralmente, às 9h da manhã e fica até por volta das 23h! Ele dá as caras por aqui umas 2 vezes pela manhã, mais umas 3 de tarde e outras 2 vezes de noite. Em suma, eu vejo o dito cujo mais do que eu vejo meus próprios pais! Não que ele não seja legalzinho e talz… mas se eu quisesse casar com ele, EU estaria namorando com o fulano, né? E parece que, pra minha irmã, esse “namoro-casamento” deles tá muito normal. Se ela tivesse a casa dela, poderia fazer o que quisesse. Mas ela mora em uma casa em que 5 outras pessoas moram, então o mínimo que ela poderia fazer é dar um toque no espertinho. E o bonito também não presta pra pensar que, talvez, a presença dele esteja passando da conta…

Pra se ter uma idéia, ele:

  1. já tira os sapatos aqui em casa…
  2. conversa, grita e grunhe (minha irmã diz que é gargalhada, mas eu tenho minhas dúvidas) altíssimamente alto…
  3. se senta como se estivesse sozinho na casa dele (é aquela posição em que a gente levanta as pernas dobradas e apoia sobre nosso próprio corpo deitado, e que deixa a bunda exposta pra quem tiver coragem de olhar; o cunhado faz isso tendo gente ou não presente na sala)…
  4. já abre a geladeira, pega comida e esquenta o prato (pasmem… e não presta pra fazer pra todo mundo não: esquenta só o prato dele!)…
  5. vem passear aqui em casa vestindo pijamas…
  6. chega ao cúmulo de abrir o laptop do meu pai (detalhe: nem o meu próprio pai abre o laptop dele, por razões que não vêm ao caso)!

O outro namorado da minha irmã, com o qual ela ficou uns 4 anos, chegava na sala, se sentava decentemente e conversava civilizadamente com meus pais. Com QUATRO anos de namoro. Esse atual, aos 7 meses, já tá nessa “evolução” toda. I deserve, OMG! Quando eu tentei fazer um approach gentil com a minha irmã, ela disse que eu tava vendo problemas onde não tinha e apelou comigo. Tudo bem, né… fazer o que se a namorada não diz nada?

Tem um tempinho que eu já não sou muito fã desse cunhado, devido ao seguinte episódio: ele é muito cheio das graças com todo mundo. Vive fazendo brincadeirinhas (nem sempre agradáveis). Um dia, quando eu fiz uma brincadeira do mesmo nível que as dele, ele se sentiu ofendido e no direito de dizer à minha irmã que não tinha gostado. Eu pensei: “Uhum… taum tá, béim! Ele pode, mas ninguém mais pode? Muito bonito esse ser humano, hein?”. E deste dia em diante, o comportamento do meliante só piorou, chegando ao estado que eu relatei acima. Além disso, ele tem uma certa fixação em sempre se dar bem em tudo que faz… independente de ser lícito ou ilícito o que faz para obter vantagem. Whatever!

Tenho medo de pensar no que pode virar isso. Quando meus pais estão por perto, ele se comporta um pouquinho melhor. Mas como na maior parte do tempo, estamos só eu e meus irmãos, então vira aquele relaxo. Só estou publicando esse post pra deixar registrada a minha revolta. E que alguém possa usar de lição de “etiqueta na casa do namorado(a)”. Rezo ao senhor que está nos céus para que você, leitor, não se encontre nunca numa situação parecida com esta. Nem assistindo, nem fazendo (muito menos fazendo, PLEASE!).

E eu, que não valorizava a privacidade quando ela existia… 😦

Anúncios
  1. Como eu sempre digo: Intimidade é uma merda!

    É muuuuuito raro eu me sentir à vontade na casa de alguém a esse ponto…
    Meu ex namorado já ficava bem relax aqui em casa tb e eu confesso q não gostava mto da idéia, apesar da minha família msm não se incomodar!

    Eu namorei ele por 3 anos e mal conseguia pôr o pé no sofá da casa dele…

    Enfim… de qqr forma, não vejo mais um namoro como esse q eu tive… A não ser q estejamos só eu e o namorado longínquo em questão! rs

    Concordo plenamente com vc, Du! E vc tem o direito msm de reclamar!

    bjksssss

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: