Traffic

Swinging with Maroon 5 – Little of your time

Alguém pode me contar o que está havendo com o trânsito brasileiro? Parece que, quanto mais uma cidade cresce, mais as pessoas se esquecem de como se dirige direito! Em certos horários e locais parece que vale tudo e a legislação é poesia esquecida. É uma zona de carros, motos (essas merecem um post a parte!), caminhões, pessoas (sim… parece que a calçada é pouco pra alguns e a rua é mais digna de seu caminhar), carroças, cavalos (dentro e fora dos carros), enfim, tudo que tornaria uma feira tão tranqüila quanto um templo zen-budista.

Meu amigo.. se você está afim de aloprar no trânsito, vai pra Índia! Estava lendo no blog Índi(a)gestão algumas coisas muito interessantes sobre esse país (alguns diriam que são coisas absurdas, whatever!). Mas o trânsito me chocou… for real! Aqui você pode conferir um vídeo muito legal. É impressionante a forma como a coisa acontece e flui, de um jeito totalmente caótico e desorganizado!

Agora… me diz que esse primor de sinergia é privilégio só da Índia? Eis a novidade: o Brasil tá no caminho! Na minha cidade, que não é nada comparada a São Paulo, nos horário das 14h e 18h, o vuco-vuco é muito parecido com o vídeo ali em cima. Além disso, parece mesmo que “setas” são ítens opcionais no carro (brincamos que a pessoa escolhe se quer o conjunto de luzes de sinalização ou um ar-condicionado, hehe) e aulas de telepatia deviam ser obrigatórias na auto-escola. Misteriosamente, já estou bem treinado nesse quesito. É incrível a quantidade de vezes em que eu consigo adivinhar o que o indivíduo vai fazer! Se não fosse assim, meu carro viveria no conserto… Particularmente, não entendo como é possível que em São Paulo, com tanta sinalização e tantos caminhos,  se formem quilômetros de engarrafamento. Tudo bem que só fiquei lá uns 4 dias na minha vida toda, mas quando eu morar lá, talvez eu entenda.

Não é tão difícil melhorar essa situação. Creio que grande parte de toda essa desorganização tenha base no egoísmo. Todo mundo acha que a própria agenda é mais importante do que a agenda alheia, e que, portanto, você pode tudo que esteja ao seu alcance pra garantir o seu conforto. Tá certo que você sai do trabalho dando um rim pra chegar em casa mais cedo. Mas o cara que tá do seu lado também tá nessa situação. Ao invés de ir cortando seu caminho por entre os carros, como se você fosse o último participante do “No limite” em plena selva amazônia, experimente cooperar para que o trânsito flua. Eu acho que aquelas luzinhas, plaquinhas e sinaizinhos que ficam espalhados pela cidade e dentro do carro não existem por simples estética.

Ou melhor, tenho certeza disso.

Anúncios
  1. Por isso que eu não gosto muito de dirigir!
    Aqui no Rio é um INFERNO, dependendo da hora!

    Cruz credo! Evito mesmo!

    bjksss

  2. Bom, eu moro aqui desde sempre e tem dias que simplesmente não entendo… Apenas ligo o rádio e o ar e tento ser feliz.. *rs

    • Bia
    • 11 de setembro de 2007

    Tenho medo do trânsito do Rio!
    E nem imagino como deve ser o de São Paulo.
    Por isso que, apesar de às vezes ser meio chato, ônibus é bom, pq o motorista se estressa por ele e por todo mundo (coitado, comentario cruel, mas é vero)

    Sobre a música, aé gosto, mas tá longe de ser uma das minhas preferidas no “It won’t be soon berfore long”

    De qualquer maneira, faSSo o Adam todinhooooo!
    Passo mal com aquele homem hahahahahhaa.

    Bjaum!

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: