It’s not worth it.

Curtindo Colbie Caillat – Midnight bottle

Outro dos paradoxos humanos: a briga. Qualquer tipo, desde pequenas discussões até pancadarias de estádio de futebol. São sempre inúteis e extremamente prejudiciais aos nossos relacionamentos e a nós mesmo. É um paradoxo porque a pessoa alvo de nossa cólera está sempre dentro de dois grupos muito grandes e distintos: ou é alguém muito importante ou é alguém muito insignificante pra merecer aquela descarga de stress. Quando se trata de explodir com alguém, não há meio-termos, e quem ouve sempre está em um desses grupos. Agora é pensar se vale a pena machucar alguém que é tão importante pra nós ou nos desgastar com alguém que não tem a mínima influência na nossa vida.

Tem gente que usa a ira como terapia. Chega em casa depois de um dia estressante de trabalho e desconta toda a pressão na família. Dá um tempo, né? Tá precisando aliviar o stress? Procura um terapeuta, meu bem! Imagina o ciclo: o chefe briga com o funcionário, este briga com a mulher, esta briga com os filhos… e então? A gente deixa que as crianças se virem pra administrar toda essa carga? No way.

É um exercício complicado e que exige tempo e determinação, mas controlar ataques de ira é possível e faz um bem danado. Além de tomar um bom tempo na solução do problema que causou a explosão, causa estragos em volta. Então da próxima vez que você estiver à beira de um ataque de nervos, pára, respira, e pensa bem se vai valer o desperdício de tempo e energia. Quem sabe, daqui a um tempo, você não vira um mestre zen?

Ou quase!

 

EDIT: Sabe qual técnica é otima? É o seguinte: você arruma um travesseiro, daí enfia a cara nele e grita TODOS os palavrões que você conhece… mas é berrado mesmo, e todos os palavrões do mais light ao mais horrível. Eu garanto que melhora os nervos. Se não for pela descarga de raiva, com certeza você vai rir da loucura que acabou de fazer. Se tiver alguém te vendo então, 200% mais de eficiência.

Anúncios
  1. mandou bem

    em 99% dos casos dá certo

    o foda é o 1%

  2. Quando mais novo, sempre tive problemas com minha ira. Sou genioso pacas. A solução veio aos 16 anos. Comecei a praticar artes marciais. Como resultado, nunca mais arrumei confusão na rua e me tornei um sujeito bem mais equilibrado. Sou um cara zen!

    Mas, que, às vezes, dá uma vontade de quebrar uns e outros, isso dá!

    Keep going!

    Surfista Platinado.

  3. o que seria um feng shui ? rs

  4. Pois é amigo,
    briga é sempre um paradoxo, mas fazer o quê? às vezes é inevitável ter essa descarga de energias negativas…
    Ótimo post!
    Bjs

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: